Mesmo tendo conquistado os salões, o Jack Russell não deixa de lado seu temperamento de Terrier. Tem o comportamento de um caçador. Sempre curioso e ativo, é seguro de si e as vezes tem dificuldade para controlar a sua calma. É um extraordinário companheiro para quem quer um cão com personalidade forte. É muito inteligente, incansável, sempre alegre e amigável.

Origem

O criador dessa raça, John, chamado de Jack Russell, nasceu em Dartmouth em 1795, Inglaterra. Durante os seus estudos em Oxford, ele começou o seu amor pela caça e pelos cães,
assim comprando a sua primeira fêmea, Trump.

Quando atuou durante 50 anos na paróquia de Swymbridge como pastor titular. Então começou também a sua paixão pela seleção cinófila. Ele queria um cão pequeno e curto e capaz de entrar facilmente em tocas de animais. Começou então a cruzar vários tipos de Terrier de
utilidade, procurando mais um cão apto para a caça do que pela aparência homogênea. Nestas pesquisas também começou a trabalhar muito com o Fox Terrier, que o levaria a grandes honras no mundo cinófilo. Os Jackies mostraram tantas aptidões em caça subterrânea que foi aclamado por muitos caçadores. Sendo em 1990 reconhecido como uma raça. Atualmente, O Jack Russell é muito desejado nos EUA, Europa e Austrália.

Perfíl.

O corpo é compacto e musculoso. É mais comprido do que alto. A cauda é reta e forte, mantida natural, costuma-se cair quando o cão está em repouso e se erguer quando em ação. Geralmente tem pelo liso, áspero ou ainda em “Fio de Arame”. A cor branca é maioria na sua pelagem, podem ter marcas pretas ou fogo, as duas em simultâneo.